sexta-feira, 4 de julho de 2008

Back to Black.

Pensei em versos lindos de amor, pensando em você. Criei contos que nunca tiveram um final feliz. Contei histórias onde as pessoas se perdiam. Tentei criar uma vida. Tentei amar. Plantei flores em vasos de concreto. Plantei amor em corações de concreto. Escondi segredos dos mais dolorosos para mim mesma. Algum dia, tentei contá-los, mas apenas pela metade. Sr.ª Solidão, venha me fazer companhia, pois cansei das pessoas incompreensíveis e estúpidas que cercam a mim. Preciso voltar pro escuro, e nunca mais sair de lá.

Drivin’ me wild.

Nenhum comentário: