quinta-feira, 27 de novembro de 2008

Sgt. Carol's Lonely Hearts Club Band.

Para que viver? Se isso tudo resulta em uma única certeza: a morte. Às vezes não tenho nem ao menos vontade de acordar. Queria mesmo permanecer tudo do jeito que estar. Seria conformismo meu? Talvez. Amanhã tudo acaba mesmo. Que sentido eu tenho para amar? Para acreditar? Para viver? As pessoas deviam mesmo continuar nessa farsa que é a vida delas, só para não cair na realidade que eu vivo, sacrificando cada segundo pensando no que pode, ou não, acontecer amanhã.

Drivin' me Wild.

Nenhum comentário: